qui. fev 21st, 2019

Ford Fusion 2016 / 2018, conheça o novo modelo 2019, o que mudou é revelado oficialmente antes do Salão de Detroit


Foram divulgadas as imagens oficiais da nova geração do Ford Fusion antes da sua estréia oficial no Salão do Automóvel de Detroit 2012.

O novo Fusion 2013-2014 vem para mesclar dois modelos: o Ford Fusion e Ford Mondeo de acordo com a nova estratégia “One Ford” de veículos globais. O Fusion 2013-2014 traz um design totalmente novo que alinha o sedan ao padrão atual de design da Ford com linhas mais fluídas dando um aspecto muito mais dinâmico e agradável ao modelo.
Nos EUA ele será lançado ainda este ano, ao passo que no resto do mundo apenas em 2013. Assim, os detalhes deste lançamento visam mais especificamente o modelo norte-americano e não o Mondeo, que fica visível pelo leque de motores disponíveis no mercado americano e no qual não se encontram blocos Diesel.
Nesta geração, vai oferecer versões a gasolina, híbrida e híbrida Plug-in para os EUA, sendo que entre as alternativas convencionais, estarão disponíveis os motores 1.6 EcoBoost de 180 cv e o 2.0 EcoBoost de 237 cv (acoplado a transmissão automática SelectShift e tração integral).
A versão Hybrid conta com motor elétrico cuja energia é fornecida por novas baterias de ion-lítio, associado a motor de 2.0 litros, prevendo-se uma performance bastante interessante e com elevada eficiência de consumo. Já o Plug-in Hybrid vai brigar com os rivais elétricos como o Chevrolet Volt. A tecnologia start-stop também estará presente nestas motorizações.
Em termos de tecnologias, o Fusion tem sistema de detecção de saída da faixa de rodagem, cruise control adaptativo (variando a velocidade de acordo com as condições do tráfego), Active Park Assist, que ajuda no processo de estacionamento ao medir os espaços disponíveis e ao estacionar sozinho e sistema de verificação de objetos em pontos cegos. Destaque, ainda, para o sistema de entretenimento e comunicação SYNC, que permite o uso de voz para ativação de comandos.
A marca promete, ainda, interior melhorado (em conforto, qualidade e absorção acústica) e qualidades dinâmicas aprimoradas, visando manter as características bastante positivas da atual geração com destaque ainda para o reforço na segurança, com a carroceria 10 % mais rígida que na geração atual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *